Como a violência de gênero se manifesta no espaço universitário

Rafaela Gessner Lourenço, Professora adjunta da Universidade Federal do Paraná, Curitiba, PR, Brasil.

Maria Marta Nolasco Chaves, Professora sênior do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da Universidade Federal do Paraná, Curitiba, PR, Brasil.

Liliana Müller Larocca, Professora associada aposentada da Universidade Federal do Paraná, Curitiba, PR, Brasil.

https://br.freepik.com/vetores-gratis/conceito-de-violencia-de-genero-ilustrado_8967062.htm#page=1&query=gender%20violence&position=0

O estudo “Violência de gênero no espaço universitário”, publicado no periódico Cogitare Enfermagem (vol. 26), foi conduzido por pesquisadoras da Universidade Federal do Paraná e procurou reconhecer o entendimento sobre o fenômeno da violência de gênero no ambiente universitário, espaço entendido pelas autoras como privilegiado para o desenvolvimento de propostas de enfrentamento e transformação social de questões complexas, como a violência.

A violência de gênero é a reprodução de poder sobre o outro, com o intuito de provocar sofrimento ou dor. Grupos vulneráveis, especialmente os compostos por mulheres e aqueles fora do padrão heteronormativo imposto pela sociedade são os mais acometidos pelos processos de violência no meio social. Além disso, nas relações familiares ou institucionais essa forma de violência pode acontecer de forma silenciosa e velada (SANTOS; MURTA, 2016). Por isso, entende-se que as universidades têm responsabilidade para fomentar discussões acerca da inclusão dos sujeitos nos seus espaços (MAITO et al., 2019) e sobre a condução e a manutenção de relacionamentos não violentos.

Esta pesquisa foi realizada por meio de 38 entrevistas, conduzidas no ano 2016, com trabalhadores que atuavam no serviço de saúde da universidade, cenário deste estudo e com os usuários desse serviço, isto é, estudantes universitários ou dependentes desses. Foi possível perceber que a violência de gênero nesse espaço é construída sob assimetrias de poder que subjugam os grupos mais vulneráveis, sobretudo as mulheres, os LGBTQI+, homens, crianças e portadores de deficiência. Os participantes da pesquisa reconhecem diferentes tipos de expressões da violência de gênero no ambiente universitário, todavia seu reconhecimento é feito de forma superficial e naturalizada. Neste sentido, a violência de gênero se torna invisível quando os serviços de escuta, denúncia ou notificação não estão preparados para seu atendimento. Defende-se que a visibilidade da violência de gênero precisa ser pautada na instituição, por meio de escuta ativa, e que a culpabilização da pessoa em situação de violência não seja o enfoque do atendimento prestado.

O resultado do estudo é inovador por lançar luz sobre a realidade vivenciada pela comunidade universitária diante da violência de gênero.  Outro destaque deste estudo é que também apresenta alternativas para a superação desse fenômeno, sustentadas por debates, discussões e, sobretudo, pela proposição de estratégias que garantam a igualdade de direitos de mulheres e homens nos diferentes espaços da realidade acadêmica, por meio de projetos institucionais de ensino, pesquisa e extensão.

Referências

MAITO, D.C., et al. Construção de diretrizes para orientar ações institucionais em casos de violência de gênero na universidade. Interface (Botucatu) [online]. 2019, vol.23, e180653. ISSN: 1807-5762 [viewed 4 March 2021].  https://doi.org/10.1590/interface.180653. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1414-32832019000100406&lng=en&nrm=iso

SANTOS, K.B. dos and MURTA, S.G. Influência dos Pares e Educação por Pares na Prevenção à Violência no Namoro. Psicol. cienc. prof. [online]. 2016, vol. 36, no. 4, pp. 787-800. ISSN: 1982-3703 [viewed 4 March 2021].  http://dx.doi.org/10.1590/1982-3703000272014. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1414-98932016000400787&lng=en&nrm=iso

Para ler o artigo, acesse

SOUZA, V.M.P. de S., et al. Violência de gênero no espaço universitário. Cogitare enferm [online]. 2021, vol. 26, e67689. e-ISSN: 2176-9133 [viewed 4 March 2021].  http://dx.doi.org/10.5380/ce.v26i0.67689. Available from: https://revistas.ufpr.br/cogitare/article/view/67689

Links externos:

www.cogitare.ufpr.br

http://www.revenf.bvs.br/scielo.php?script=sci_issues&pid=1414-8536&lng=pt&nrm=iso

http://www.ouvidoria.ufscar.br/arquivos/PesquisaInstitutoAvon_V9_FINAL_Bx20151.pdf

 

Como citar este post [ISO 690/2010]:

LOURENÇO, R. G., CHAVES, M. M. N. and LAROCCA, L. M. Como a violência de gênero se manifesta no espaço universitário [online]. BlogRev@Enf, 2021 [viewed ]. Available from: https://blog.revenf.org/2021/04/23/como-a-violencia-de-genero-se-manifesta-no-espaco-universitario/

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Post Navigation